22/11/2011

Sou Infantil

Sou infantil em acreditar num amor impossível vivo num
 mundinho que nenhum mal pode me alcançar, esqueço de viver
 a realidade, a realidade dói o sonho quando começa a doer
 tem como mudar ele.

Só que esse mundinho dos sonhos não temos condições de ser
feliz por completo, esse mundinho medíocre em que vivo, está
 rodeado por altos muros onde não consigo enxergar a realidade
 fora dele.

Preciso de alguém pra poder ajudar-me a destruir esse muro.
 Mas tenho medo do que vou encontrar lá fora.
 Tenho pavor do que possa me acontecer depois que sair daqui.
 O que faço ó Pai, só você pra poder me guiar por este estranho
 caminho, preciso de seu apoio, de suas mãos a me guiar.

Ó Pai qual caminho a seguir?
 Qual tijolo deve tirar primeiro, o do medo ou da timidez ou
 tantas as outras que coloquei nesse muro...

Pai torna os meus olhos os seus.
 Faça com que eu enxergue tudo de maneira mais clara, faça
 com que eu não tenha mais medo das outras pessoas.

Pai me tire desse mundinho de solidão, ajuda-me livrar desta
 agonia, desse desespero que assola minha vida.

Daí-me mais tranqüilidade. Segure-me tenho medo de caminhar,
 ajude-me estou com medo, proteja-me do mal que eu mesma criei,
 ensina-me a acreditar nos outros e o mais importante ensina-me
 a amar assim como o Senhor nos amou, sem pedir nada em troca,
 sem cobrar dos outros aquilo que não temos em nós mesmos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário e sugestões é sempre bem vindo. Fique na Paz !!!